Informativo

Provedores regionais impulsionam acesso à banda larga

17 Abr
Em doze meses, os provedores regionais foram responsáveis por mais de dois terços do aumento da banda larga fixa no país
Abrir um provedor de internet não é uma tarefa fácil. Além de toda a burocracia para regulamentar o negócio junto aos órgãos governamentais, há também uma grande barreira a ser vencida que é estabelecida pelo próprio mercado. Estamos falando da lei básica da oferta e procura. Em uma ponta, clientes querendo receber serviço de qualidade, enquanto na outra, empresas das mais variadas características, desde gigantes das telecomunicações até pequenas lojas de informática, todas oferecendo a tão sonhada internet banda larga.

Superadas todas as dificuldades, as pequenas empresas de internet seguem atendendo a nichos ainda não explorados pelas grandes corporações, pois estas não chegam às localidades mais periféricas das cidades, menos ainda à zona rural. Diante desse cenário, nos últimos meses, os provedores regionais foram responsáveis por mais de dois terços do aumento da banda larga fixa no país, segundo a Anatel.

Esse movimento de mercado está no radar da Agência Nacional de Telecomunicações há algum tempo, que sinalizou a importância de se mapear a infraestrutura oferecida pelos pequenos provedores nas regiões do Brasil que ainda não receberam financiamento público no setor. A Anatel disponibilizou um canal de comunicação com os prestadores de banda larga fixa, pelo e-mail pruv@anatel.gov.br, para receber informações sobre o status atual de atendimento dos municípios brasileiros com fibra óptica.

Clique aqui e saiba mais sobre o mapeamento.